Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes

No dia 18 de maio é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O objetivo desta manifestação surgiu em 1998, durante uma reunião entre entidades públicas e privadas, na Bahia, no 1º Encontro do ECPAT, que é uma organização internacional que luta pelo fim da exploração sexual e comercial de crianças e adolescentes, originalmente iniciada na Tailândia.

A data não foi escolhida ao caso. Em 18 de maio de 1973, Aracelli Cabrera Sanches Crespo, de 11 anos, que vivia em Vitória, no Espírito Santo, foi brutalmente assassinada. Após seis dias desaparecida, seu corpo foi encontrado desfigurado e com marcas de avuso sexual. Vinte e sete anos depois este dia foi transformado no Dia Nacional de Combate ao Abuo e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes pelo Congresso nacional e a Lei nº 9.970 foi sancionada em 17 de maio de 2000.

Desde então, diversas entidades fazem palestras, passeatas e ações nas ruas para combater este mal. Na cidade de Maringá, por exemplo, durante o dia acontece a VII Ação de Mobilização da Comunidade na Praça Raposo Tavares, que tem como objetivo mobilizar a sociedade em relação ao tema e convocar a população para a responsabilidade na proteção de crianças e adolescentes.

Neste mesmo dia, foi disponibilizado um curso de capacitação para profissionais da rede de proteção e atendimento a crianças e adolescentes denominada "A escuta profissional qualificada em situações de violência".

Em outras cidades brasileiras, diversas ações acontecem com o intuito de mobilizar a sociedade e aumentar a proteção e segurança de nossas crianças e adolescentes.

Compartilhar?

Comentários

Não existe nenhum comentário para esta aula até o momento!